Novembro 2010

SÁBADO, 6

18h00

WALTER ROSSA

apresenta o livro de

CLÁUDIO MONTEIRO

(ed. A.A.F.D.L.)

O livro "Escrever Direito por linhas rectas. Legislação e planeamento urbanístico na Baixa de Lisboa (1755-1833)" analisa o enquadramento jurídico e institucional da reconstrução de Lisboa depois do terramoto de 1 de Novembro de 1755, e desdobra-se em três partes distintas, dedicadas, respectivamente, aos antecedentes da legislação urbanística pombalina, à análise do respectivo processo de elaboração, aprovação e execução, e à avaliação da sua influência na legislação urbanística portuguesa subsequente. O livro é o resultado da investigação realizada no âmbito da Exposição Lisboa 1758: o Plano da Baixa Hoje, organizada pela Câmara Municipal de Lisboa em 2008 para assinalar os duzentos e cinquenta anos da aprovação daquele plano.

Walter Rossa, é licenciado em Arquitectura pela Faculdade de Arquitectura da Universidade Técnica de Lisboa (1985), Mestre em História da Arte pela Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa (1991) e Doutor em Arquitectura pela Universidade de Coimbra (2001). Docente do Departamento de Arquitectura da Faculdade de Ciências e Tecnologia (1989) e investigador do Centro Estudos Sociais (2007) da Universidade de Coimbra, onde actualmente coordena a instalação do curso de doutoramento (3º ciclo) em Patrimónios de Influência Portuguesa do Instituto de Investigação Interdisciplinar.

É também Professor Convidado em outras universidades em Portugal e no estrangeiro. A par com uma intensa actividade de arquitectura e planeamento, tem-se dedicado à investigação em Teoria e História da Arquitectura e do Urbanismo, em especial nos domínios da urbanística, da cultura do território e do património do universo português, de que já publicou diversos livros, artigos e comunicações em várias línguas.

Cláudio Monteiro é licenciado em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa (1988), onde também obteve o grau de Mestre em Ciências Jurídico-Políticas (1995). Encontra-se actualmente admitido a prestar provas de doutoramento em Ciências Jurídico-Políticas (Direito Administrativo) com uma dissertação intitulada "O domínio da cidade. A propriedade à prova no Direito do Urbanismo". É Assistente da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa desde 1990, onde tem leccionado as disciplinas de Direito Constitucional, Direito Administrativo, Contencioso Administrativo, Direito do Urbanismo e Direitos Reais no curso de licenciatura, e diversas disciplinas nos cursos de Pós-Graduação em Direito do Ordenamento do Território e do Urbanismo e em Direito das Autarquias Locais.

Está inscrito na Ordem dos Advogados como advogado desde 1991, e como Advogado Especialista em Direito Administrativo desde 2004, exercendo a sua actividade profissional na Serra Lopes Cortes Martins, Sociedade de Advogados. É Presidente da AD URBEM - Associação para o Desenvolvimento do Direito do Urbanismo e da Construção, e membro da Associação Portuguesa de Direito do Urbanismo.

AGENDA